quarta-feira, maio 26, 2010

APENAS UMA ESCOLHA

Ana Mello*
Assim, em frente ao espelho, olhava seu corpo. Pernas bonitas, seios firmes, olhos grandes. Cabelo preto e brilhante. As unhas bem feitas – vermelhas. A boca perfeita que sabia beijar e iludir qualquer um. Podia ser modelo.

Mas o pai decidira bem cedo – prostituta.



*Ana Mello é Gaúcha e editora da revista eletrônica Veredas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribuições